HOT HOT | 15 faixas para começar a semana

ROCKNBOLD traz mais uma seleção novinha de tracks que prometem deixar seu dia mais agradável! São vários artistas que merecem o seu play e a sua playlist! Ouça:

“I Got the Fear” de Charlie Grant, para fãs de folk rock

Charlie Grant está de volta, desta vez arriscando no swing dançante do folk rock carismático, apaixonante e sensual de “I Got the Fear“. A canção é um verdadeiro hino completo, com vocais envolventes, ritmo frenético e instrumental que leva o ouvinte para uma verdadeira festa no campo. O resultado é, sem dúvidas, uma das melhores músicas da carreira do artista. Ouça:

“Paradise” de LEFT ON READ, para fãs de rock eletrônico

A banda francesa LEFT ON READ entrega um som intenso em “Paradise“. canção pra lá de autêntica que surpreendente o ouvinte ao unir elementos do rock e da música eletrônica em um som completo, que apesar de intenso, não se revela demasiadamente poluído. A canção é um trabalho energético que une o melhor dos dois ritmos para criar um som único. Ouça:

“I Wanna Start a Riot” de Sub Lights, para fãs de rock eletrônico

Em uma atmosfera misteriosa, intensa e convidativa, os vocais do duo norte-americano Sub Lights surgem de forma densa em meio ao instrumental imersivo de “I Wanna Start a Riot“. A canção é marcada pelo uso de sintetizadores, riffs e percussão forte, que tornam a canção uma verdadeira trilha sonora para os seus dias. O resultado é um som envolvente que usa o melhor do eletrônico e do rock. Não deixe de ouvir:

“Who I Was” de Iain T. McKelvey & The Midnight Tangos, para fãs de pop rock

O single mais recente dos australianos do Iain T. McKelvey & The Midnight Tangos, “Who I Was“, revela um som leve, introspectivo e até mesmo reflexivo. Vocais passeiam lentamente em meio ao instrumental descontraído, tomado por acordes, riffs e sintetizadores. O resultado é uma canção tímida, mas bastante completa. Não deixe de ouvir:

“Xmas Bunny” de Stephen G. Clayton, para fãs de folk pop

Com o Natal se aproximando, o britânico Stephen G. Clayton apresenta ao mundo a suavidade de instrumentais leves e vocais calorosos em “Xmas Bunny“, em parceria com Knight-Malciak. A canção traz a magia de toques de samples e sintetizadores que vão de encontro com a suavidade de um instrumental de cordas. O resultado é uma canção tocante e encantadora. Ouça:

“Be Gone” de Ant St., para fãs de rock

Os caras do Ant St. apresentam a divertida e criativa “Be Gone“, canção que traz diferentes elementos em seu instrumental para criar um rock descontraído, envolvente, dançante e levemente psicodélico. A canção traz alguns elementos experimentais do rock sujo e alterna para diferentes tempos da canção de repente. Ouça:

“Tout se passe” de loig morin, para fãs de pop

O canadense loig morin surpreende com a leveza de vocais envolventes e intensos na calorosa “Tout se passe“. A canção surpreende ao unir elementos leves e descontraídos com vocais apaixonantes, criando um sentimento agridoce e marcantes. O resultado e uma canção que conquista pela leveza tocante e vocais fortes. Não deixe de ouvir:

“Merry Merry Xmas” de George Katsos, para fãs de pop rock

Com o Natal cada vez mais próximo, o americano George Katsos deseja os melhores dos votos em “Merry Merry Xmas“. A canção traz o melhor do rock e pop dançante, já presente nos trabalhos do artista, para uma versão mais descontraída e energética tomada por pianos. O resultado é uma canção natalina encantadora. Ouça:

“Papichulo” de Makeda, para fãs de pop

A artista belga Makeda apresenta o som envolvente e dançante de “Papichulo“, canção que viaja entre elementos do pop e da música latina para criar um som dançante, provocante e intenso. O resultado é uma canção única e bastante agradável que destaca os ótimos vocais da artista. Não deixe de ouvir:

“One of a Kind” de Empty Flask, para fãs de rock

Diretamente da Costa Rica, Empty Flask apresenta a intensidade de riffs e vocais completos na intensa e energética “One of a Kind“. A canção conta com riffs poderosos que parecem querer resgatam um sentimento quase clássico do pop nostálgico, que se entrelaça muito bem com os vocais do artista. O resultado é uma canção completa. Menção mais que honrosa para o solo de guitarra. Ouça:

“Confessions” de Clan Canyon, para fãs de rock

Para os fãs do rock dançante, o trio Clan Canyon está de volta, e com riffs energéticos e carismáticos em “Confessions“. A canção é um verdadeiro prato cheio para fãs do gênero e entrega vocais e instrumentais de qualidade uma produção imersiva. O resultado é uma canção extremamente profissional e carismática que encanta pelo som apaixonante. Ouça:

“Postcards & Letters” de Superjava, para fãs de pop

O duo francês Superjava está de volta! E apresenta mais uma canção descontraída, leve e encantadora em “Postcards & Letters“. A canção chama atenção pelo instrumental completo e divertido, tomado por instrumentos de sopro, acordes de violão e toda a leveza do som que vai de encontro com o carisma dos vocais dos artistas. Não deixe de ouvir:

“To Bring You Something” de Michael Baker, para fãs de pop/rock

Com vocais encantadores que tomam conta da canção, em meio a sintetizadores e percussão poderosa, o cantor francês Michael Baker cria a apaixonante “To Bring You Something“. A canção se destaca pela atmosfera descontraída, carismática e charmosa que envolve riffs energéticos, mas não chegam a pesar na música. O resultado é uma canção sensual, apaixonada e autêntica. Não deixe de ouvir:

“Twenty Million Loves” de Forster & Hopes, para fãs de pop

Multi instrumentista suiço Forster & Hopes apresenta um som leve e tecnológico na encantadora “Twenty Million Loves”, canção que mexe com os sentidos de ouvintes através do uso de toques, samples e sintetizadores de música eletrônica para construir um pop único e completo. O resultado é uma canção intensa e envolvente que promete agradar! Não deixe de ouvir:

“Vagabond” de Alexandra Alden, para fãs de pop

A cantora malta Alexandra Alden apresenta um som angelical, leve e envolvente na ótima “Vagabond“, canção que flerta com o folk e o pop para entregar um som envolvente, pacífico e imersivo. A canção traz uma excelente curadoria de elementos e instrumentos que contribuem para a magia e tranquilidade construída nos arranjos. Não deixe de ouvir:

Gostou? Nos siga no Spotify e não perca nenhuma novidade e indicação da nossa equipe por lá!

Total
1
Shares
Related Posts